Facebook dá explicações oficiais por ter removido páginas católicas. Mas será que faz sentido?

por -
Hamza Butt, Flickr , CC BY 2.0

Ontem dezenas das principais páginas católica do Facebook em inglês, espanhol e português foram removidas do Facebook simultaneamente sem explicação. Na madrugada de hoje, as páginas foram restauradas sem explicação.

Então o que aconteceu?

Um porta-voz do Facebook deu a primeira explicação oficial do Facebook: “As páginas foram restauradas. O incidente foi causado acidentalmente por um mecanismo de detecção de spam na plataforma. Pedimos sinceras desculpas por qualquer inconveniente que isso possa ter causado“.

Mas isso realmente faz sentido?

ChurchPOP identificou dezenas de grandes páginas católicas em três idiomas que foram simultaneamente afetadas. Se fosse uma falha aleatória, teríamos visto miilhares de páginas afetadas, a maioria das quais teriam sido não-católica. E, no entanto, até agora sabemos apenas de páginas católicas que foram afetadas.

Isso é inteiramente especulativo , mas pensamos que outras duas explicações são mais plausíveis:

Uma possibilidade é que algum anti-católico coordenou uma ação nas páginas classificando-as como spam, e isso desecandeou uma ação automática no Facebook. Ou, depois de ser informado, um funcionário anti-católico do Facebook, aproveitou os relatórios de spam como uma oportunidade para tirar as páginas do ar.

Outra possibilidade é que um empregado desonesto que não gosta da Igreja Católica usou seu poder para banir as páginas, e quando o Facebook descobriu isso, revertaram a decisão.

Essas teorias nos parecem muito mais plausíveis do que uma falha de detecção de spam que resultou na queda de páginas católicas em vários idiomas.

Leia mais: Facebook baniu dezenas de páginas católicas pelo mundo. Será um grande ataque contra a Igreja Católica?
Leia mais: Donos de páginas católicas banidas pelo Facebook falam sobre o ocorrido
Leia mais: As páginas católicas banidas pelo Facebook estão sendo restauradas

Comentários

comentários