Famoso pastor evangélico afirma que na Igreja Católica há mais milagres graças a Eucaristia

por -
Dominio público: Pixabay / Wikipedia

Algo um tanto inesperado aconteceu.

Um vídeo começou a ser compartilhado nas redes sociais em que o famoso “tele-evangelista” pentecostal Benny Hinn ensina que os católicos experimentam mais milagres que os pentecostais. O mais surpreendente desse caso é que ele atribui esta situação a crença dos católicos na presença real de Jesus na Eucaristia, na qual Hinn também crê (pelo menos em alguma coisa sobre ela).

“Eles realizaram um estudo em que mostra que mais pessoas são curadas na Igreja Católica que nas igrejas pentecostais”disse Hinn em sua palestra. Não está claro qual estudo fez referência. “Os estudos tem demonstrado”, afirma.

A hipótese do pastor é “porque os católicos veneram a Eucaristia”.

Mais pessoas são curadas em uma Igreja Católica durante a Comunhão do que nas pentecostais… porque para nós é apenas simbólico.”

Então se animou a defender a doutrina da presença real de Jesus na Eucaristia: “Bom… Jesus não disse “Este é o símbolo do meu corpo. Este é o símbolo do meu sangue’. Ele disse este é o meu corpo e este é o meu sangue.”

E creio – eu sempre acreditei – que em Espírito esse é seu corpo, em Espírito esse é o seu sangue, que possamos venerá-lo. Existe cura na comunhão. Definitivamente tenho visto em meu próprio ministério.”

É importante ressaltar que os católicos creem na transubstanciação, onde o pão e o vinho verdadeiramente se transformam em Jesus, não apenas espiritualmente. Quando Hinn afirma que o pão e o vinho são Jesus apenas “em Espírito”, ele está ensinando algo distinto da Doutrina Católica.

No final do vídeo ele fala dos milagres nas comunidades cristãs coptas, afirmando que eles têm milagres pelas mesmas razões que a Igreja Católica.

Vale ressaltar que essa pregação foi direcionada a uma igreja pentecostal, por isso não sabemos quando e nem onde foi gravado esse vídeo.

Este é o vídeo (inglês):

[Leia também: Católicos podem participar de cultos protestantes? Pe. Fortea responde]
[Leia também: 5 surpreendentes afirmações de Martinho Lutero sobre a Virgem Maria]

Comentários

comentários