Há 4 anos o Cardeal Bergoglio se tornava Papa Francisco

por -
Strettoweb

Há 4 anos o Cardeal Bergoglio foi eleito Papa, era 13 de março de 2013, segundo dia do Conclave, escolhendo o nome de Francisco. Ele é o primeiro Jesuíta a ser eleito Papa.

Perguntaram ao Cardeal Bergoglio se aceitava a missão de ser Papa. E ele respondeu: “Eu sou um grande pecador. Mas, confiando na misericórdia e paciência de Deus, no sofrimento, aceito”.

E da sacada central da Basílica Vaticana dirigiu-se à multidão presente na Praça São Pedro, dizendo:

“Irmãos e irmãs, boa noite! Vocês sabem que o objetivo do Conclave era eleger o Bispo de Roma. Meus irmãos Cardeais foram buscá-lo quase ao fim do mundo… Por isso, eis-me aqui! Agradeço a todos pela acolhida. Agora, a comunidade diocesana de Roma tem o seu Bispo. Obrigado!”.

A seguir, Francisco acrescentou:

“E agora iniciamos este caminho, o Bispo com seu Povo… o caminho da Igreja de Roma que preside a todas as outras Igrejas na caridade. Um caminho de fraternidade, de amor, de mútua confiança. Rezemos sempre uns pelos outros. Rezemos por todo o mundo, para que haja uma grande fraternidade. Espero que este caminho eclesial, que hoje começamos, com a ajuda do Cardeal Vigário, aqui presente, seja frutuoso para a evangelização desta Cidade tão bela!

E antes de conceder a bênção apostólica o Papa pediu um favor aos presentes:

“Antes que o Bispo abençoe o povo, peço-lhes que rezem ao Senhor para que me abençoe: é a oração do povo, pedindo a Bênção para o seu Bispo. Façamos em silêncio esta oração por mim”.

Confira o momento da fumaça branca e do Habemus Papam!

Rezemos pela missão do Santo Padre!

[Leia também: Se a Igreja é tão rica por que não vende seus tesouros? Papa Francisco responde]
[Leia também: 7 curiosidades sobre Sua Santidade, Papa Francisco]

Comentários

comentários