Artigos

“Atirem só em mim”: religiosa reza de joelhos diante da polícia e salva centenas de pessoas

A foto de uma freira rezando de joelhos em frente a um grupo de policiais de Mianmar tem viralizado nos últimos dias.

Seu nome é Ann Rosa Nu Tawng, tem 45 anos, mora em Mianmar (Birmânia) e viveu de perto os últimos acontecimentos no país desde um recente golpe militar.

Consequentemente, milhares de cidadãos foram às ruas protestar, mas a polícia respondeu com muita repreensão aos manifestantes.

Diante desta cena de violência, a Ir. Ann Rosa decidiu que devia intervir e se colocou na frente da polícia!

A foto que viralizou mostra a religiosa de costas diante de um esquadrão policial, com seus escudos mantidos em posição.

O tweet do Cardeal e Arcebispo de Yangon informava o fato: “Hoje o motim foi severo em todo o país. A polícia está prendendo, batendo e até tirando nas pessoas. Com lágrimas nos olhos, Ir. . Ann Nu Thawng implora e faz a polícia parar de prender os manifestantes. Cerca de 100 manifestantes conseguiram escapar graças à freira”.

Confira as fotos:

 

Segundo informou os meios de comunicação locais, a Irmã se ajoelhou diante dos homens armados e lhes suplicou que não disparassem contra os civis desarmados.

“Atirem só em mim se quiserem”, disse a religiosa. “Os manifestantes não têm armas e só estão mostrando seu desejo pacificamente”, assinalou.

A Ir. Ann pertence à Congregação das Irmãs de São Francisco Xavier em Myitkyina, capital do estado de Kachin, Mianmar. De acordo com o site UCA News, a polícia disse a ela que fosse embora, pois estava em grave perigo, mas ela insistiu que não iria e que estava pronta para morrer.

“Quando vi esta cena, senti que era como uma zona de guerra”, confessou, “me preparei para dar minha vida pela Igreja, pelo povo e pela nação”.

Além disso, contou que recebeu golpes na perna e no peito, mas sofreu apenas feridas leves. No entanto, sua ação permitiu com que dezenas de manifestantes corressem e se escondessem na clínica administrada pela igreja onde ela trabalha.

“Sou uma religiosa católica, mas também sou cidadã de Mianmar, então tenho o mesmo sentimento que as pessoas de Mianmar”, acrescentou.

A Ir. Ann Rosa também participou em marchas em Myitkyina, junto aos sacerdotes, leigos e outras religiosas, para rezar pela paz.

O que você achou da atitude dela?

[Leia também: Religiosa assassinada em um ritual satânico foi declarada mártir]
[Leia também: [Vídeo] Homem agride e rouba bispo em plena missa]
Editor ChurchPOP

Faça santas todas as coisas!

Leave a Comment
Compartilhar
Publicado por
Editor ChurchPOP

Postagens recentes

Filme inédito sobre vida de São Josemaría Escrivá estreia este mês no Brasil

No mês em que completaria 120 anos se ainda estivesse entre nós, São Josemaría Escrivá…

2 dias atrás

A “receita” em 4 passos de um exorcista para proteger sua família contra satanás

Toda família católica precisa saber disso! O exorcista Pe. Chad Ripperger apareceu como convidado em…

3 dias atrás

Incêndio destrói caminhão por completo, mas bombeiros descobrem algo “sobrenatural”

Um caminhão pegou fogo em uma rodovia no Paraná. Quando os bombeiros chegaram ao local,…

4 dias atrás

Uma resposta às críticas ao Papa pelo que ele disse sobre crianças e animais de estimação

Na Audiência Geral de 5 de janeiro o Papa Francisco falou da paternidade putativa de…

5 dias atrás

Ator de Transformers faz peregrinação com franciscanos até o Convento de São Padre Pio

Em agosto passado, o ChurchPOP informou que o ator de Transformers e Indiana Jones, Shia…

6 dias atrás

“É um milagre”: Mãe afirma que seu filho foi curado após encontro com o Papa Francisco

Este foi um dos momentos mais bonitos de 2021, quando na Audiência Geral do Papa…

1 semana atrás