Artigos

Reaparece quadro de Nossa Senhora que os nazistas roubaram de uma família judia

Quando o empresário e grande colecionador de arte Francesco Federico Cerruti se encantou com o quadro “Virgem com o Menino, São João e dois anjos”, datado de 1480-1485, e o comprou, não imaginava a surpreendente história que havia por trás!

Cerrutti amava tanto a representação de Nossa Senhora com o Menino Jesus nos braços que a tinha em seu quarto, perto de sua cama, para admirá-la e sentir sua proteção.

O homem, dono de uma das maiores e mais importantes coleções privadas de arte da Europa, morreu em 2015, e deixou como herança todo o seu acervo para o Museu de Arte Contemporânea de Rivoli-Turin. E ao inspecionar as artes adquiridas, um dos especialistas do museu descobriu que o quadro em questão era tido como desaparecido desde 1936.

A obra pertenceu ao colecionador judeu Gustav Arens, que ao morrer, deixou-a para sua filha Ann. O quadro ficava na sala de jantar da casa mas, durante o regime nazista, Ann quase o perdeu, tendo que pagar uma grande quantia em dinheiro para mantê-lo.

Mas o regime nazista intensificou muito a perseguição contra os judeus, e pouco tempo depois, Ann, seu marido e suas duas filhas tiveram que fugir, indo para Paris e depois se mudando de vez para os Estados Unidos. O quadro, juntamente com outras obras de arte e objetos da família foram confiscados e dados como perdidos.

Porém após a “redescoberta” do quadro em 2018, a Fundação Cerruti entrou em contato com o Escritório de Processamento de Reivindicações do Holocausto na tentativa de encontrar Ann, a dona do quadro, para que ele, enfim, pudesse ser devolvido.

 

E eles a encontraram! Ann, hoje com 93 anos, não conteve a emoção ao saber que o tão amado quadro da Virgem Maria havia sido encontrado.

Ela ainda recorda com nitidez o que viveu naqueles tempos difíceis e explica como Nossa Senhora “era uma presença afetuosa e tranquilizante” em casa. A cada vez que sentava à mesa, a família encontrava o amável rosto de Maria e suas exuberantes cores e expressões, algo que eles nunca esqueceram.

Com o objetivo de narrar esta emocionante história, diante de tantos trágicos acontecimentos durante o período da Segunda Guerra Mundial, acordou-se em devolver o quadro para o museu de Villa Cerruti.

A Fundação Cerrutti indenizou a família e se comprometeu a tornar conhecida a história para todos os visitantes do local.

A Virgem Maria sempre sendo um consolo para os que a buscam!

[Leia também: O dia que São João Paulo II foi atropelado por um caminhão nazista]
[Leia também: O plano secreto de Hitler para sequestrar o Papa Pio XII]
Editor ChurchPOP

Faça santas todas as coisas!

Leave a Comment
Compartilhar
Publicado por
Editor ChurchPOP

Postagens recentes

Diocese suspende padrinhos de batismo e confirmação

A Arquidiocese de Catânia, na Sicília (Itália), decidiu suspender por três anos a prática de…

1 hora atrás

Saiba como rezar pedindo um milagre ao 1º santo brasileiro: São Frei Galvão

Santo Antônio de Sant'Ana Galvão, ou simplesmente Frei Galvão, é o primeiro santo nascido em…

1 dia atrás

O jovem de 15 anos que perdeu a vida por não jogar fora o seu escapulário

Francisco García é o mártir mais jovem dos 127 beatificados na Diocese de Córdoba em…

5 dias atrás

Papa Bento XVI diz que espera poder unir-se aos amigos no Céu logo

O Papa emérito Bento XVI disse que espera poder unir-se aos amigos no Céu logo!…

5 dias atrás

O eficaz conselho de um sacerdote para afastar o diabo do seu lar

O padre José María Pérez Chaves, sacerdote do Arcebispado Militar da Espanha, ofereceu através das…

6 dias atrás

Messi presenteia Papa Francisco com camisa autografada do Paris Saint-Germain

O Papa Francisco, que é um grande fã de futebol, recebeu uma camisa do clube…

6 dias atrás