Ucranianos estão vendo “anjos luminosos” sobre o país, diz arcebispo greco-católico

por -
Créditos: zhyve.tv, YouTube / Wikimedia Commons, Public Domain

Os anjos são poderosos ajudantes e protetores!

Aproximadamente duas semanas após o início da guerra na Ucrânia, milhares morreram, a infraestrutura continua a ser destruída e a devastação assola a terra. No entanto, um Arcebispo ucraniano ofereceu um vislumbre de esperança para o mundo!

O Arcebispo Maior de Kiev-Galitzia, Sviatoslav Shevchuk, da Igreja Greco-Católica Ucraniana, disse que os civis lhe dizem que veem “anjos luminosos” sobre o país. Ele acredita que o patrono de Kiev, São Miguel Arcanjo, bem como “toda a Hoste Celestial”, lutam ao lado dos ucranianos.

[Leia também: Imagem de São Miguel que escorre sangue? Fato começou antes da guerra na Ucrânia]

Ucranianos estão vendo “anjos luminosos” sobre o país, diz arcebispo

Em um vídeo divulgado em 4 de março, Shevchuk afirmou: “Aqui, em Kiev, percebemos que o santo padroeiro de nossa cidade é o Arcanjo Miguel, que com o grito ‘Quem é como Deus’ lançou no abismo Lúcifer – aquele que se levantou contra a verdade de Deus e foi o líder do exércitos diabólicos”.

“Percebemos hoje que o Arcanjo Miguel, junto com toda a Hoste Celestial, está lutando pela Ucrânia. Tantas pessoas de diferentes partes da Ucrânia vieram até mim dizendo que viram anjos luminosos sobre a terra da Ucrânia”.

Em outro vídeo, publicado em 9 de março, o Arcebispo explicou parte da terrível destruição que está ocorrendo.

Ele disse que os bombardeios em toda a Ucrânia destroem sua “herança espiritual”, e padres, voluntários, idosos, mulheres e crianças estão sendo mortos.

“Nesta guerra, vemos que os civis estão se tornando as principais vítimas”, disse o Arcebispo. “Moradores de cidades e vilarejos, pessoas vulneráveis, mulheres, crianças e idosos são os que mais sofrem.”

“Sob as bombas, nossa herança espiritual está sendo destruída. Templos, nossos valores espirituais, culturais… Eles matam padres, voluntários, todos aqueles que estão tentando de alguma forma aliviar o sofrimento do povo ucraniano, que está sangrando”.

São Miguel Arcanjo, protegei a Ucrânia!

[Leia também: A história por trás da foto viral de um homem abraçando a cruz na Ucrânia]
[Leia também: Padre Fortea explica porquê o conflito na Ucrânia não é “a guerra do fim do mundo”]