Bullyng, agressão, alcoolismo: conheça o incrível testemunho de Guilherme de Sá

por -
Youtube

O blog Ancoradouro encontrou um vídeo com o testemunho de Guilherme de Sá da Banda Rosa de Saron e nós queremos compartilhar um pouco dessa incrível história da vitória de Deus.

O testemunho de Guilherme de Sá, vocalista da Banda Rosa de Saron é emocionante. Marcado pelo complexo de inferioridade, ausência paterna e violência doméstica, Guilherme conta emocionado como teve sua experiência com Deus e como ingressou na Banda que é uma das mais importantes na cena musical católica.

Guilherme inicia a entrevista ao programa PHN dizendo “Eu era filho de mãe solteira e sempre fui o menino que esperou um pai. (…) Eu dizia pra minha mãe: ‘ei, mãe, já arrumou um pai pra mim?’.

O cantor seguiu a entrevista contando que tinha seu avô como um pai, porém, precisou lidar com o alcoolismo que assolou a vida de seu avô.

Quando sua mãe finalmente encontrou um pai, ele não era lá o que o menino esperava. O padrasto era violento e começou a bater no cantor.

Isso fez com que o jovem se tornasse retraído, tímido, com dificuldades de relacionamentos. Muitas vezes o padrasto agia com técnicas de torturas com o menino. Quando sua mãe percebeu o que estava acontecendo começou a apanhar também. O cantor contou ainda que chegou a passar fome, que não tinha o que comer.

O bullyng também fez parte da sua história, o vocalista da Banda Rosa de Saron apanhava na escola por ser “Nerd”. Sentindo-se revoltado, começou a andar com “a turma da pesada”, mas afirma que nunca usou drogas.

No ano de 1997 Guilherme começou a participar de um grupo de oração e foi quando teve seu encontro pessoal com Deus. Pouco tempo depois ingressou na Banda.

Grande testemunho de superação e da vitória de Deus na vida de Guilherme de Sá.

Confira o Testemunho na íntegra de Guilherme de Sá:

[Leia também: O testemunho de fé do cantor Thiaguinho]
[Leia também: Cantora católica é sensação no The Voice Brasil]

Comentários

comentários