Convento entra em quarentena após 40 irmãs serem diagnosticadas com Covid-19

por -
Créditos: EFE/Divulgação

O Convento de Santa Ángela de la Cruz, de Sevilha, na Espanha, precisou entrar em quarentena após 40 religiosas testarem positivo para a Covid-19!

Depois dos diagnósticos, o lugar recebeu uma inspeção sanitária e as freiras doentes foram isoladas das demais. Ao todo, cerca de 50 a 60 religiosas vivem no convento, e como a missão delas é cuidar de enfermos e visitá-los em suas casas, fica difícil saber a origem do contágio.

“Esta doença é a cruz do mundo e nós somos as irmãs da cruz”, declararam as religiosas ao veículo local ABCdesevilla.

Em Sevilha, outros dois conventos também precisaram entrar em quarentena por causa de muitas irmãs que adoeceram, entre eles, o convento da Mãe de Deus e o monastério de Santa Paula.

Rezemos pelas religiosas!

[Leia também: Religiosa de 102 anos vence o coronavírus e celebra aniversário junto com sua comunidade]
[Leia também: 13 freiras do mesmo convento morrem por Covid-19: “Foi o nosso momento mais trágico”]