Crianças da colônia de férias do Vaticano recebem uma visita inesperada… do Papa Francisco

Muito legal!

O “Verão Crianças” é um projeto que surgiu para atender às necessidades de trabalhadores do Vaticano que, principalmente durante esta estação (no hemisfério norte é verão e férias) não tinham com quem deixar as crianças. Nestes dias elas brincam, se divertem e aprendem sobre a vida e a fé.

Mas dessa vez, algo incrível aconteceu!

Enquanto as crianças tomavam café da manhã na Sala Paulo VI, simplesmente receberam a visita do Papa Francisco! 

Ele chegou, passou pelas mesas, conheceu os lugares das brincadeiras e, claro, conversou com os pequenos.

Também respondeu perguntas e relembrou da importância de boas amizades:

“As pessoas que só sabem se divertir sozinhas são egoístas; para se divertir, é preciso estar junto, com os amigos!”.

Segundo o capelão da Gendarmaria e dos Museus Vaticanos, o salesiano Pe. Franco Fontana, “as crianças ficaram tão impressionadas que permanceram totalmente caladas”. Mas nem todas.

“Eu gelei porque foi uma surpresa e eu nunca tinha visto ele antes. Gosto muito dele. Eu estava muito feliz e lhe disse oi”, contou Zoe, de 10 anos, ao Vatican News.

Após cerca de uma hora, o Papa ainda cumprimentou os animadores e agradeceu pelo trabalho.

“Verão Crianças” reduzido

O Pe. Franco contou ainda que:

“Nunca como neste ano depois de meses em que as famílias foram obrigadas a ficar em casa, os pais terão a exigência de confiar seus filhos a pessoas de confiança que saibam dar esperança, entusiasmo e educar em segurança os seus filhos”.

Mas por causa da pandemia do coronavírus, a iniciativa precisou acolher menos crianças. Foram apenas 100 inscritas, em três grupos diferentes: de 5 aos 7 anos; dos 8 aos 10 anos e de 11 aos 14 anos.

[Leia também: Covid-19: Papa Francisco doa respirador para índios brasileiros]

Comentários

comentários