Idoso com Covid-19 é assassinado em hospital por estar rezando

por -
Créditos: Daan Stevens

David Hernández-García, um idoso católico de 82 anos, estava internado no Hospital Antelope Valley em Lancaster, na Califórnia (EUA), com Covid-19, quando algo brutal aconteceu. Ele foi espancado até morrer. O motivo? Porque estava rezando!

O criminoso, Jesse Martínez, também estava com Covid-19 e dividia o quarto com David. Segundo informou a polícia de Los Angeles, ele ficou “ficou chateado quando a vítima começou a rezar. Em seguida, atingiu a vítima com um cilindro de oxigênio”.

O lamentável acontecimento se deu em 17 de dezembro de 2020, e no dia seguinte, o idoso “sucumbiu aos ferimentos e foi declarado morto em 18 de dezembro de 2020, por volta das 10h20. A vítima e o suspeito não se conheciam”, declarou a polícia.

O homem foi detido pelos funcionários do hospital até a polícia chegar e preso em seguida. Ele responderá por assassinato, abuso de idosos e crime de ódio por causa de religião. Se condenado, pode pegar até 28 anos de prisão.

Questionado sobre o caso, o Hospital Antelope Valley informou que o centro estava trabalhando apenas com atendimentos de urgência, devido à falta de profissionais no momento e com “a equipe médica sofrendo de exaustão”.

Que horror! Rezemos pela alma dele!

[Leia também: Covid-19: Suposta aparição da Virgem Maria em hospital na Colômbia]
[Leia também: Criança de 9 anos sobrevive milagrosamente à bala perdida graças a um crucifixo]