O que todo católico deve saber sobre as “4 últimas coisas”; sua alma depende disso!

por -
Créditos: Domínio Público, Wikimedia Commons

Algum dia você irá morrer; mas a sua alma viverá para sempre. Você sabe o que acontecerá?

A visão católica da vida após a morte pode ser um pouco complicada, mas a tradição resume em “4 últimas coisas”.

E aqui está o que você precisa saber sobre elas:

1) Morte

A não ser que a segunda vinda de Cristo ocorra durante a sua vida, você morrerá. Ninguém sabe quando nem como isso acontecerá. Então é preciso estar preparado!

A morte é quando a alma se separa do corpo. Seu corpo começará a se decompor, mas sua alma viverá para sempre; e irá se reunir novamente com o corpo no tempo da ressurreição final.

Se a sua alma fica viva, para onde ela vai? Isso depende da segunda “coisa”.

2) Julgamento

Logo após a sua morte, você enfrentará um julgamento diante de Deus. Ele sabe todas as coisa sobre você: o bem, o mal, tudo o que você fez.

Deus é o perfeito juiz, então não é necessário temer se seu julgamento será justo ou injusto. Ele irá determinar se você passará a eternidade no Céu ou o no Inferno. Você está vivendo de forma a se preparar para este julgamento?

3) Céu

É para onde você quer ir, obviamente. O Céu é o ‘lugar’ (estado da alma) da eterna união amorosa com Deus, a fonte de todo o bem e toda a beleza, lá, Ele preencherá totalmente todos os corações.

E como ir para lá? É preciso morrer em estado de graça, mediante o sacramento da Confissão.

Então se você está se perguntando se o Purgatório se encaixa aqui, quase. O Purgatório é um ‘lugar’ onde as almas que foram salvas são purificadas temporariamente por ainda terem penas a pagar e se prepararem para entrar no Paraíso. O Purgatório não é uma das últimas 4 coisas porque não é um estado final em si mesmo.

4) Inferno

Este é o lugar para onde você não deve querer ir, de jeito nenhum.

O Inferno é o ‘lugar’ (estado da alma) de eterna separação de Deus e de punição pelos nossos pecados. As pessoas que morrem em estado de pecado mortal ou com a culpa original vão para lá.

É tradicionalmente conhecido que existem possivelmente dois tipos de punições no Inferno. A primeira é chamada poena damni, ou punição dos condenados, que é a dor do desespero de saber que perdeu a oportunidade de estar eternamente com Deus no Céu. A segunda é conhecida como poena sensus, ou punição dos sentidos, que é um tormento eterno de fogo na proporção dos nossos pecados.

Como você deve viver na luz dessas “4 últimas coisas”?

Seguindo a Cristo! Arrependendo-se dos seus pecados. Indo para a Missa! Recebendo os sacramentos da Igreja frequentemente. Apenas sob a graça de Deus, por meio de Jesus Cristo, podemos enfrentar a morte e o julgamento, ganhando o Céu ou o Inferno.

Que Deus nos ajude!

[Leia também: 10 frases interessantes de alguns santos sobre a Morte]
[Leia também: 7 erros sobre morte, inferno e demônio que não devemos cometer]