Polícia de Nova Iorque identifica suspeito de tentantiva de incêndio em Catedral

por -

A polícia de Nova Iorque identificou o homem que tentou incendiar a Catedral de Saint Patrick na noite de ontem. O nome do acusado é Marc Lamparello, de 37 anos de idade, morador de Hasbrouck Heights, Nova Jersey.

O homem foi preso depois de entrar na Catedral de Saint Patrick com dois galões de gasolina, duas latas de fluidos de isqueiro e dois isqueiros.

Polícia de Nova Iorque, Twitter

Quando questionado pela polícia sobre o que estava tentando fazer ao entrar na maior Igreja Católica de Nova Iorque com todo esse material inflamável, Lamparello deu “respostas inconsistentes”.

O vice-comissário da polícia de Nova Iorque, John Miller, disse à imprensa que uma das histórias que Marc Lamparello contou foi que “estava atravessando a Catedral para chegar a rua que ficava do outro lado, a Madison Avenue; porque seu carro estava sem gasolina”.

No entanto, a polícia inspecionou seu carro, e constatou que estava com o tanque cheio. 

Miller disse ainda que Lamparello é “conhecido pela polícia” e é considerado “mentalmente perturbado”.

O que sabemos ainda sobre Lamparello é que ele trabalhou como diretor musical em uma paróquia de Nova Jersey. Trabalhou também como professor adjunto de filosofia e formou-se em filosofia pelo Boston College.

Apesar de estar sob custódia, Lamparello ainda não foi indiciado.

[Leia também: Homem é preso em Nova Iorque por tentar incendiar a Catedral de Saint Patrick]

Comentários

comentários