Relíquia de São João Paulo II é roubada de Catedral na Itália!

por -
Crédito: Arquidicese de Spoleto/Núrsia; Internet/Reprodução

E os ataques à Igreja continuam…

Uma relíquia do sangue de São João Paulo II foi roubada da Capela do Crucifixo, na Basílica Catedral de Spoleto, na Itália, no dia 23 de setembro.

Segundo informações da Arquidiocese de Spoleto/Núrsia, a sacristã só percebeu a perda na hora de fechar a igreja. A polícia foi então acionada e está investigando o caso com a ajuda das câmeras de segurança do local.

O arcebispo de Spoleto/Núrsia, Monsenhor Renato Boccardo, lamentou profundamente o ocorrido e fez um apelo para que a relíquia seja devolvida.

Ele considerou o roubo “um ato grave que fere a sensibilidade e a devoção de muitas pessoas”. Disse ainda que “é uma falta de respeito para quem chega em peregrinação para expressar seus sentimentos diante do santo Pontífice”.

“Quero esperar que seja um ato de superficialidade, não com a intenção de ofender a sensibilidade dos fiéis. Também quero esperar que este gesto desconsiderado não seja feita com objetivo de obter lucros”.

“Faço um pedido claro a quem quer que tenha sido o autor deste gesto: devolvam, restituam a relíquia à catedral. É um gesto de responsabilidade e seriedade o que estou pedindo”, completou.

A relíquia do sangue fica guardada em um relicário dourado e foi um presente do antigo arcebispo da Cracóvia, Cardeal Stanislaw Dziwisz. Ela seria levada para uma igreja da cidade em honra de São João Paulo II no dia 22 de outubro, festa litúrgica do santo.

Rezemos para que a relíquia seja encontrada!

[Leia também: Em plena pandemia, milagre do sangue de São Januário ocorre novamente!]
[Leia também: Eucaristia e arte sacra são profanadas e igreja é roubada em terrível ataque na Itália]