Você teme o demônio? Os segredos de São João Bosco para vencer o combate espiritual

por -

São João Bosco foi um dos santos que mais padeceu com os ataques do demônio durante a vida. No entanto, ainda que tenha sofrido constantemente estes assédios do maligno, foi um santo que transbordava alegria e ajuntava centenas de almas para Deus.

Conheça aqui alguns segredos de São João Bosco para vencer o combate espiritual!

1. Recorrer à ajuda de Maria

“Coloca-te com filial confiança sob a proteção de Maria; confia nela; espera nela. Jamais se ouviu dizer que alguém que tenha recorrido com confiança a Maria não tenha sido escutado. Ela será a tua defensora nos assaltos que o demônio lançará contra a tua alma” (Memórias de São João Bosco, Vol. VI, p.19)

2. A Ave Maria

Falando de um sonho que teve, São João Bosco comentou: “a serpente representa o demônio e a corda, a Ave Maria, ou melhor, o Rosário, que é uma série de Ave Maria’s, com a qual se pode derrubar, vencer e destruir todos os demônios do inferno”. (Memórias de São João Bosco, Vol VII, p. 209)

3. Saber do poder dos nomes santos

“Beija com frequência a medalha ou o crucifixo, santifica com fé viva, dizendo: Jesus, José, Maria, ajudai-me a salvar a minha alma. Estes são os três nomes mais terríveis e formidáveis para o demônio”. (Memórias de São João Bosco, Vol VI, p. 20)

4. Beijar a Medalha da Virgem

“Nas tentações, recorre a um meio que eu, pela minha larga experiência, descobri ser poderosíssimo para vencer o demônio: beija a medalha da Virgem. Se você estiver num lugar onde não seja oportuno beijar a medalha, diga a jaculatória: – Jesus, José e Maria, vos dou meu coração e a minha alma. Se a tentação não cessar, repita o beijo ou a jaculatória e a tentação será superada”. (Memórias de São João Bosco, Vol. VII, p. 677)

5. Não descuidar da Igreja, dos sacramentos e da oração

“Vocês querem ser fortes para lutar contra o demônio e suas tentações? Amem a Igreja, venerem o Sumo Pontífice, frequentem os sacramentos, façam visitas frequentes a Jesus no Sacrário, sejam muito devotos da Virgem, ofereçam seus corações e assim superem todos os combates e todas as vaidades do mundo.

Quando se trata de fazer o bem, de recusar ou combater o erro, coloquem sua confiança em Jesus e Maria, e então estarão preparados para vencer o respeito humano e, inclusive, para sofrer o martírio”. (Memórias de São João Bosco, Vol. VI, p. 267)

6. Jesus Sacramentado

“Vocês querem que os ensine a não ter medo e a resistir a seus assaltos? Escutem-me. Não existe nada que o demônio tema mais do que estas duas coisas:
1) A comunhão bem feita
2) As visitas a Jesus Sacramentado

Querem que o demônio os assaltem? Visitem pouco a Jesus Sacramentado. Querem que fujam de vocês? Visitem Jesus com frequência. Querem vencer o demônio? Refugiem-se frequentemente aos pés de Jesus. Querem ser vencidos? Deixem de visitar Jesus.

Meus queridos, a visita a Jesus Sacramentado é um meio muito necessário para vencer o demônio. Ide, pois, visitar com frequência a Jesus Sacramentado e o demônio não poderá fazer nada contra vocês”. (Memórias de São João Bosco, Vol. VII, p. 54-55)

7. A armadura de Deus

“A reta intenção, a graça de Deus, o trabalho constante, a oração, os sacramentos, a obediência às regras formam uma espécie de armadura que dificilmente o demônio pode desfazer.” (Memórias de São João Bosco, Vol. IX, p. 635)

8. Utilizar a água benta

“Assim, pois, nas tentações e especialmente ao entrar na Igreja, fazei bem o sinal da cruz porque ali vos espera o demônio para lhes fazer perder o fruto da oração. O sinal da cruz afasta o demônio por um momento: mas o sinal da cruz com a água benta o afasta por muito mais tempo.

Um dia Santa Teresa estava sendo tentada. A cada ataque, ela fazia o sinal da cruz e a tentação parava, mas depois de alguns minutos voltava o assalto. Finalmente cansando de lutar, se aspergiu com água benta e o demônio teve que sair com o rabo entre as pernas”. (Memórias de São João Bosco, Vol. VII, p. 615)

9. Evitar o ócio

“Quando você perceber que está sendo tentado, faça algo imediatamente. A ociosidade e a modéstia não podem viver juntos. Por isso, evitando o ócio, você também vencerá as tentações contra essa virtude”. (Memórias de São João Bosco, Vol. VI, p. 20)

“Quero dizer-lhes o que o diabo quer de vocês e o que ele teme. O diabo quer que vocês fiquem ociosos e teme muito quando os vêem ocupados. A razão é esta: se você está ocioso, ele também está; se, pelo contrário, você está ocupado, ele também deve trabalhar e tentar algo para ver se consegue ganhar algo. (Memórias de São João Bosco, Vol VII, p. 762)

Se estamos ocupados, o demônio não poderá nos vencer jamais. Espera sempre nos assaltar quando estamos ociosos. É preciso levantar pela manhã rapidamente, quando nos chamam. Não ir descansar por tempo indevido. Durante o dia, ao acabar os próprios deveres, colocar-se a ler algum livro que trate de coisas espirituais. (Memórias de São João Bosco, Vol. IX, p. 633)

10. E… Sempre alegria!

“Estão alegres? Os recomendo santidade, saúde, ciência… e alegria. Cada um de vocês é uma santa Teresa! Lembrem-se que o demônio tem medo de gente alegre. (Memórias de São João Bosco, Vol. X, p. 592)

Esperamos que estes conselhos de São João Bosco ajudem em seu combate espiritual diário!