Artilheiro do ano, Lewandowski diz não ter vergonha de Jesus nem da sua fé católica

Créditos: Amazon/Divulgação

No último dia 29 de novembro, o jogador de futebol polonês Robert Lewandowski recebeu o prêmio de Artilheiro do ano na cerimônia da Bola de Ouro 2021 (Ballon d’Or), promovida pela revista esportiva France Football. Com o nome nos holofotes, um sacerdote aproveitou para ressaltar a fé católica do jogador: “ele sabe que prêmio verdadeiramente deve aspirar!”

Artilheiro do ano, Lewandowski diz não ter vergonha de Jesus nem da sua fé católica

O Pe. Juan Manuel Góngora, da Diocese de Almería, na Espanha, publicou nas redes sociais um vídeo em que o jogador do Bayern de Munique fala que é católico e não se envergonha da sua fé.

O sacerdote ressalta a mensagem com um trecho de 1 Cor 9,25: “Todos os atletas se impõem a si muitas privações; e o fazem para alcançar uma coroa corruptível. Nós o fazemos por uma coroa incorruptível”.

“Parabéns ao Robert Lewandowski por saber qual é o prêmio que se deve verdadeiramente aspirar!”, completou o padre.

Veja o vídeo:


No vídeo, que pertence a uma campanha polonesa entitulada “Nie wstydzę się Jezusa” (“Não tenho vergonha de Jesus”), o jogador afirma que usa o chaveiro que traz esta mensagem “porque sou católico e não tenho vergonha de Jesus ou da minha fé. Eu sei que Deus está cuidando de mim o tempo todo”.

O capitão da seleção da Polônia disse que “todos nós sabemos que na vida contemporânea e no mundo tudo está acontecendo muito depressa e, muitas vezes esquecemos dos nossos valores e das coisas que realmente são mais importantes para nós”.

E ressaltou: “É por isso que esta fé me ajuda não só dentro do campo, mas também fora dele; para simplesmente ser uma boa pessoa e cometer a menor quantidade de erros possível”.

A campanha, que existe desde 2011, distribui chaveiros para artistas, atletas e personalidades importantes com a passagem de Mt 10,33: “Aquele, porém, que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai que está nos céus”, para promover a fé e o testemunho cristão. Segundo os organizadores, já foram dadas mais de 1,2 milhão de chaveiros.

Lindo testemunho!

[Leia também: Ator critica jogador por agradecimento a Deus e caso repercute na internet]
[Leia também: Mandaram este jogador se ajoelhar em protesto e ele se recusou: “Só me ajoelho diante de Deus”]
Victoria Arruda é jornalista, ama filmes, livros, música, teologia, política e... pizza. Escreve sobre coisas aleatórias, pra combinar com suas preferências pessoais.