Jovem é ordenado após 10 anos sem novas vocações na Diocese

Créditos: Diocese de Segovia/Reprodução

Que alegria!

Álvaro Marín, de apenas 24 anos, é o novo diácono e, muito em breve, sacerdote da Diocese de Segovia, na Espanha. E sua ordenação é ainda mais especial porque a região estava há 10 anos sem novas vocações ao sacerdócio!

“Dez anos de carência e de escassez vocacional que tornaram esta ordenação um motivo de orgulho e júbilo para a Diocese”, informou pelas redes sociais.

A celebração aconteceu no dia 25 de outubro e foi presidida pelo bispo Dom César Franco.

O bispo declarou que a “Igreja de Segovia se alegra com esta ordenação diaconal. Dá graças a Deus pelo novo diácono, pela sua família que o educou na fé, pela paróquia Santa Teresa, onde descobriu a vocação e pelo seminário onde maturou até este momento. Uma vocação é um imenso presente”.

E completou: “Nestes tempos em que as vocações sacerdotais são um bem escasso e precioso, Álvaro adota sua nova condição com alegria e responsabilidade, sabendo que o Senhor sempre guiou seu caminho com mão firme”.

Confira algumas fotos da ordenação:

Em entrevista à Conferência Episcopal Espanhola, o jovem contou que decidiu entrar para o seminário porque começou “a sentir a vocação aos 15 anos e via que essa inquietação não se apagava e comecei a falar com o pároco de Santa Teresa e ele me levou às convivências do seminário menor e comecei a discernir a vocação”.

“Foi um processo longo, mas começamos a discernir que Deus havia colocado em mim esta vocação e que queria segui-la e responder-Lhe”.

Para ele, um dos momentos cruciais deste processo foi quando o pai faleceu. O “golpe”, como ele classificou, “me impulsinou a dizer este sim ao Senhor e entrar no seminário”.

A ordenação presbiteral do diácono Álvaro Marín está prevista para 2021.

Rezemos pelas vocações!

[Leia também: Executivo de sucesso abandona a carreira para virar sacerdote]
[Leia também: Lar fecundo! Conheça a família com um diácono, dois sacerdotes e um seminarista]