Menino de 13 anos pinta telas de santos para custear tratamento e comove internet

por -
Créditos: @danielxneves/Instagram

Nesta semana, uma história comoveu as redes sociais. Daniel Neves, de apenas 13 anos, sofre de uma grave doença e está à espera de um transplante de rins. Para arcar com os altos custos de seu tratamento, ele teve uma ideia inspiradora e emocionante: pintar quadros religiosos. Ele até criou um novo “título” para Nossa Senhora!

Porém só a venda dos quadros não é suficiente para bancar todo o tratamento; foi aí que surgiu a ideia de criar uma arrecadação virtual. A história do garoto foi então publicada pelas redes sociais da VOAA – a vaquinha do Razões, site onde pessoas contam suas histórias em busca de doações para os mais diversos motivos.

No post, a legenda diz: “Oi, eu sou o Daniel, tenho 13 anos e uma doença bem grave. Aprendi a pintar durante o tempo que passo no hospital, mas o valor que consigo vendendo minhas telas não é suficiente para meu tratamento, preciso muito de ajuda”.

Confira as fotos da postagem:

Daniel e Nossa Senhora dos Rins

A descrição da campanha do site de vaquinhas explica que “por sofrer de graves problemas de saúde, o pequeno Daniel Neves de 13 anos vive praticamente dentro de um hospital. Para que o tempo internado passasse mais rápido, ele começou a pintar lindas telas que hoje são vendidas por um preço simbólico para pagar seu tratamento”.

E conta um fato emocionante: “Muitos dos quadros que ele pinta são imagens de santas e santos católicos. Daniel até criou a imagem de uma santa: Nossa Senhora dos Rins. Ele acredita que a santa irá protegê-lo no transplante renal“.

Daniel mora em Salvador, na Bahia, e “foi diagnosticado aos 8 meses de idade com rins policísticos, fibrose hepática e problemas no baço que se agravaram nos últimos anos e hoje está na fila de espera para o transplante de um rim”.

“A cada 3 meses, ele e a mãe, a dona Cleide Neves, precisam ir até a capital de São Paulo realizar os tratamentos. O governo disponibiliza as passagens de ida e volta, mas os custos com deslocamento dentro da capital de um hospital para outro e alimentação são por conta da família”, explica ainda a descrição.

“A mãe do Dani não consegue trabalhar pelos cuidados que o filho exige. Hoje, eles vivem apenas com um benefício da criança e uma pequena pensão que o pai paga. Além desses custos de alimentação e transporte, o pequeno usa diariamente muitos medicamentos e curativos que o governo não oferece”.

Com meta de arrecadar R$ 50 mil, as doações superaram e muito todas as expectativas! Muitos internautas ficaram comovidos com a história e o valor superou R$ 202 mil.

Créditos: Divulgação

Em setembro de 2019, Daniel também publicou em suas redes sociais o registro de um dia muito especial: a sua Primeira Comunhão! “Sonhei muito com esse momento, obrigada a todos que fizeram parte dele. Obrigada também pelas surpresas”, conta a legenda do post.

Confira algumas fotos:

Inspirador! Rezemos pela saúde do pequeno Daniel!

[Leia também: Conheça Ana Maria, a criança de 3 anos que entrou para o Apostolado da Oração!]
[Leia também: Morre menina de 10 anos que fez sua Primeira Comunhão no hospital]