Ouro nas Olimpíadas de Tóquio, surfista brasileiro conta que rezava todo dia às 3h

Créditos: Italo Ferreira/Instagram

O surfista brasileiro Italo Ferreira recentemente conquistou a primeira medalha de ouro da modalidade nas Olimpíadas de Tóquio 2020. Mas engana-se quem pensa que para a vitória, bastou-lhe a preparação física; o atleta não deixou a oração de lado!

Pedi a Deus por isso todos os dias às 3h da manhã. É o melhor horário para falar com Ele porque todas as outras pessoas estão dormindo e aí Ele dá mais atenção pra mim”, disse Italo em entrevista ao portal Bandsports

“Tiveram alguns dias que eu tentava dormir de novo e não dormia. Mas coloco o despertador às 3h e às 5h. Por isso durmo às 19h. Aí, se acordo às 3h e quero ficar direto, eu fico. Às 3h15 na verdade, porque 15 é meu número”, explicou.

O surfista revelou que sua fé veio de casa e que, além disso, conta com uma poderosa intercessora: “Minha mãe que ensinou. Na verdade acho que consigo as coisas por causa dela, porque é ela quem segura a onda e também faz orações, vai no altar e tudo”.

Ao avançar na competição, o atleta chegou a pintar a unha com a palavra “fé”, além de usar uma cruz no pescoço.

Em sua conta no Instagram, Italo postou algumas fotos após receber a medalha de ouro, em uma delas é possível ver o “fé” escrito em uma das unhas e na outra ele aparece apontando para cima, em referência a Deus.

Veja as fotos:

Ainda na rede social, ele publicou uma imagem com a legenda: “Fé sempre”.

Parabéns Italo!

[Leia também: Atleta ergue medalha milagrosa de Nossa Senhora depois de ganhar ouro nas Olimpíadas]
[Leia também: Esta jovem ginasta levará sua fé católica para as Olimpíadas de Tóquio]
Victoria Arruda
Victoria Arruda é jornalista, ama filmes, livros, música, teologia, política e... pizza. Escreve sobre coisas aleatórias, pra combinar com suas preferências pessoais.