Você já se perguntou por que os pastores de Fátima parecem “zangados” em suas fotos?

por -

A blogueira católica Kathy Schiffer tentou responder a uma pergunta peculiar de um internauta feita ao National Catholic Register sobre os pastorezinhos de Fátima, Santa Jacinta e São Francisco: Por que essas crianças santas franzem a testa nas fotos que tiraram?

Vocês já notaram? Em quase todas as suas fotos, que são poucas, estas crianças aparecem franzindo a testa, como se estivessem bravas. Por quê? Qual é a história por trás?

[Leia também: 5 orações reveladas nas aparições de Fátima]

A irmã Lúcia, sua prima e terceira vidente de Fátima, descrevia Jacinta como uma menina carinhosa, com uma voz doce e que gostava de dançar. Francisco tinha uma disposição calma, uma certa inclinação musical e gostava de ficar sozinho para pensar; e assim se mantiveram ambos após as aparições marianas.

Então por que os pastorezinhos de Fátima são tão sérios? Era por causa dos seus dentes?

Segundo Angus Trumble, diretor da National Portrait Gallery de Camberra, Austrália, era comum encontrar pessoas sérias nas fotografias do século XIX ou inícios do século XX devido ao fato de muitos terem dentes comprometidos. Naquela época, não havia o cuidado que hoje se dá aos dentes e as pessoas não tinham coragem de mostrá-los porque costumavam tê-los bem danificados.

Se sim, os pastorezinhos de Fátima queriam parecer elegantes?

Christina Kotchemidova, professora de artes da comunicação em Spring Hill College, de Alabama, Estados Unidos,  recorda que nesta época uma foto não tinha o mesmo significado que se tem atualmente. Mesmo assim, sorrir em frente à câmera naquela época era algo muito estranho.

[Leia também: A Aparição do Anjo aos pastorinhos 1 ano antes da Virgem Maria aparecer em Fátima]

Isso porque os fotógrafos profissionais da época tentavam manter padrões artísticos semelhantes aos dos pintores, e estes geralmente não retratavam pessoas com sorrisos perceptíveis, pois isso não fazia sentido. Alguns santos eram pintados com um leve sorriso, mas não de orelha a orelha como fazemos hoje.

É por isso que, muito provavelmente, os pastorezinhos de Fátima não tenham sorrido para a foto e fizeram essa cara. Não porque estavam irritados, mas porque o fotógrafo, para realizar um “trabalho de qualidade”, pediu-lhes para não sorrir e ficarem sérios.

[Leia também: Milagre que fará os pastorinhos serem canonizados aconteceu no Brasil]

Comentários

comentários