Freira mais velha do mundo comemora 118 anos e diz o que é mais importante na vida!

Créditos: AFP/YouTube

Feliz aniversário, Irmã André Randon! 🥳

A Filha da Caridade e freira mais velha do mundo é também a europeia mais velha e a segunda pessoa mais velha do mundo! Ela completou 118 anos em 11 de fevereiro de 2022 e comemorou com uma taça de vinho e chocolate.

A Ir. André, que é cega e cadeirante, também sobreviveu ao Covid-19 no ano passado. Que guerreira!

[Leia também: Freira vence Covid-19 bem a tempo de comemorar seu aniversário de 117 anos!]

Depois de contrair Covid-19, a Ir. André disse à BFM Television que ela “não estava com medo” porque “não estava com medo de morrer…”

“Estou feliz por estar com vocês, mas gostaria de estar em outro lugar – juntar-me ao meu irmão mais velho, meu avô e minha avó.”

Sobre a Irmã André:

Nascida Lucile Randon em 11 de fevereiro de 1904, a Ir. André converteu-se ao catolicismo aos 19 anos. Aos 25 anos começou a cuidar de idosos e órfãos em um hospital francês. Mais tarde, ela entrou nas Filhas da Caridade aos 40 anos. Ela é irmã há 78 anos!

Ir. André mudou-se em 2009 para a casa de repouso Sainte-Catherine Labouré em Toulon, França, onde passou seu aniversário.

Aqui está um vídeo de uma entrevista sua a um noticiário francês:

Clique aqui caso não consiga ver o vídeo

Segue a tradução:

Irmã André: “Estou pensando em encerrar o assunto, mas não querem [que eu faça isso]. Você tem um contrato vitalício, minha irmã!”

Narração da France 24: “Ela é uma das mulheres mais velhas do mundo. A anciã dos franceses, mas também segunda pessoa mais velha da humanidade, não tem nenhum problema de saúde. Além da rigidez muscular e articular, ela tem muito poucos tratamentos diários. Ela tinha 14 anos quando a gripe espanhola estava em 1918. Mais de um século depois, ela sobreviveu ao Covid-19, o que a deixou um pouco cansada. Embora seja resistente, Irmã André deseja ‘morrer rápido’.”

Irmã André: “Tive a liberdade, mas é terrível não poder fazer um gesto sozinha”.

David Tavella, membro da direção do I’Ehpad diz: “Nós, cuidadores, que estamos em contato com essas pessoas, concluímos que a longevidade talvez não seja algo desejável. Obviamente, quando você ama seus entes queridos, você quer estar com eles o maior tempo possível, mas como você estará nesse momento? Devemos ouvir os idosos”.

Narração da France 24: “A irmã André, nascida Lucile Randon, é uma das cerca de 30 mil centenárias registradas na França. No mundo, havia meio milhão de centenários em 2015 e pode haver 25 milhões em 2100. A ciência ainda não conseguiu desvendar o segredo dessa longevidade.”

Mas como diz Irmã André, o mais importante na vida é…

Irmã André: “Compartilhar um grande amor e não comprometer suas necessidades. Isso é que é o principal.”

Rezemos pela Irmã André!

[Leia também: Papa Bento XVI diz que espera poder unir-se aos amigos no Céu logo]
[Leia também: Idosa coloca assistente virtual Alexa para rezar o Terço e viraliza na internet]
Jacqueline Burkepile é editora da versão em inglês do ChurchPOP. Ela é jornalista, ex-ministra em campus universitários, esposa e mãe.