“Senhor, eu te amo”: as últimas palavras de Bento XVI

Créditos: Vatican News/Divulgação

“Senhor, eu te amo!” foram as últimas palavras pronunciadas pelo papa Bento XVI, em italiano, antes de falecer! Eram cerca de 3 horas da manhã do dia 31 de dezembro e uma enfermeira estava presente. Confira o tocante relato.

[Leia também: O comentário de Bento XVI sobre o fim de sua vida que comoveu um arcebispo]

“Senhor, eu te amo”: as últimas palavras de Bento XVI

O secretário pessoal do Papa Bento XVI, Dom Georg Gänswein, esclareceu as últimas palavras do Papa Emérito. De fato, começaram a circular notícias das últimas palavras de Bento XVI, mas sem confirmação.

O testemunho de Gänswein foi relatado pelo Vatican News: “as últimas palavras do Papa Emérito Bento XVI foram ouvidas no meio da noite por uma enfermeira. Eram cerca de 3 horas da manhã do dia 31 de dezembro, poucas horas antes de sua morte. Ratzinger ainda não havia entrado em sua agonia, e naquele momento seus colaboradores e assistentes se revezavam. Com ele, naquele preciso momento, estava apenas uma enfermeira que não fala alemão.

Bento XVI sussurrando, mas de uma maneira facilmente distinguível, disse em italiano: “Senhor, eu te amo!” Eu não estava lá na hora, mas a enfermeira me disse pouco depois. Essas foram suas últimas palavras, compreensíveis, porque depois disso ele não conseguiu mais se expressar.”

Rezemos pela alma do Papa Emérito!

[Leia também: Papa Francisco revela a “profecia” de Bento XVI sobre o futuro da Igreja]
[Leia também: Papa Bento XVI revela que JMJ do Rio de Janeiro influenciou diretamente em sua renúncia]